domingo, abril 12, 2009

Saudade

- Saudade -
*
Saudade do corpo que nunca toquei
Da boca que nunca beijei
Das mãos que nunca me acariciaram
Do cheiro que nunca senti.

Saudade das palavras de amor que nunca ouvi
Dos sussuros ao pé do ouvido
Dos gemidos de prazer
Do gozo interminável em mim.

Saudade do que não vivi
Do olhar de cumplicidade e desejo
Da língua a me deliciar
Do toque a me excitar.

Saudade de você, meu desejo
De uma realidade impossível
De um sonho aprisionado
Saudade do que eu nunca tive.

0 comentários: